segunda-feira, 28 de setembro de 2009

MODERNA NO ATO longo estampado

Numa daquelas frases clichês, preto foi o novo preto não só na vida real (trabalho), mas na vida fantasia (festa).

É fácil, prático, blábláblá e de longa duração. Mas vestidos longos e estampados, contrariando a sisudez do black total, floresceram em plena temporada de frio.

É raro ver uma flor de inverno - ainda mais à noite.

Uma dessas regras quaisquer manda que não se use estampados à noite - quando tudo é uma questão de que buquê escolher. Há estampados que de fato inspiram garden parties, leves e meio bobocas (no bom sentido). Há estampados que são puro drama - e estes valem para festas noturnas. Inclusive as de inverno.

Oficialmente, estamos na primavera. Não há desculpa para não dsabrochar já!

As ideias vão do perfume hippista à classe pura. O melhor é que a estampa é a peça principal E o acessório. Não é preciso firular com muitas joias (melhor o oposto na verdade) e, para quem tem espírito barroco, meias rendadas (Lacroix) numa mistura com alto grau de 'interessância' visual entre desenho e textura.


Matthew Williamson, pré-inverno 2009

Matthew Williamson, pré-inverno 2009




Matthew Williamson, pré-inverno 2009



Christian Lacroix, pré-inverno 2009



Alexander McQueen, pré-inverno 2009




Ossie Clark, inverno 2009



Ossie Clark, inverno 2009



Etro, inverno 2009



Erdem, inverno 2009



Emilio Pucci, inverno 2009



Tibi, inverno 2009

2 comentários:

N. disse...

Os meus longos estampados não são tão glamour quantos esses, mas adoro usar mesmo assim!

Vica disse...

Maravilhosos!! Eu amo vestidos longos!