segunda-feira, 21 de abril de 2008

Lady moderna - lição 1



Ilustração de Ruben Toledo: cubano, radicado em NY, casado com a estilista Isabel Toledo, ele endende tudo sobre uma garota lady à moda atual.

Eu adoro a idéia de que ser uma lady não significa ser um tonta. Ladies dizem 'não' - apenas escolhem fazer isso de uma maneira assertiva, sim, mas sem choro nem berro.

Recorri ao meu livrinho - As a lady would say, por Sheryl Shade, comprado numa das lojas mais wasp que eu conheço, a BrooksBrothers - para saber o que responder quando um convidado chez moi quer saber se pode trazer bagagens extras.

Sheryl aconselha:
Não diga:
- que petulância pedir uma ooisa dessas!
- certo, mas o extra traz comida extra.
- meu, nem pensar!

(por que sempre o 'não-diga' é tão absurdamente não-dizível?)

Mas diga:
- Adoraria que o 'fulano' viesse, mas tenho espaço apenas para oito convidados. Talvez numa próxima.

Um comentário:

Virgínia disse...

Etiqueta é bom senso, mas as pessoas não têm, nem educação e nem bom senso, né?